Agência dos Correios no centro de Maceió é arrombada e encomendas são furtadas

Agência dos Correios no centro de Maceió é alvo de criminosos

Bandidos arrombaram e furtaram encomendas da agência dos Correios da Rua do Sol, no centro de Maceió, na madrugada desta sexta-feira (17). A informação é do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios.

Segundo o presidente do sindicato, Altannes Holanda, já é a quarta vez que o prédio é invadido por bandidos, em menos de um ano. Esse tipo de ação tornou-se comum, desde que a vigilância noturna foi retirada.

De acordo com o sindicato, diversas encomendas foram levadas na ação. O caso será investigado pela Polícia Federal (PF), por se tratar de um órgão federal.

Ocorrência foi registrada na madrugada desta sexta (17). Polícia Federal foi acionada para fazer perícia; serviços estão suspensos pela manhã.
Ocorrência foi registrada na madrugada desta sexta (17). Polícia Federal foi acionada para fazer perícia; serviços estão suspensos pela manhã.
Greve dos Correios

Funcionários dos Correios entram em greve a partir desta segunda-feira

Motivo é possível mudança nos planos de saúde e fechamento de agências

Os trabalhadores dos Correios entram em greve nesta segunda-feira, 12, em todo o Brasil, por tempo indeterminado. O principal motivo da paralisação é evitar mudanças no plano de saúde dos funcionários, que envolvem a cobrança de mensalidades do titular e de dependentes. Funcionários que trabalham de madrugada paralisaram as atividades a partir das 22h deste domingo, 11.

A categoria cruza os braços no mesmo dia em que o Tribunal Superior do Trabalho (TST) começa julgamento referente ao plano de saúde, depois de trabalhadores e empresa terem, sem sucesso, tentado chegar a um acordo sobre a questão.

Em nota, o Correios disse que “aguarda uma decisão conclusiva por parte do tribunal para tomar as medidas necessárias, mas ressalta que já não consegue sustentar as condições do plano, concedidas no auge do monopólio, quando os Correios tinham capacidade financeira para arcar com esses custos”.

Fonte: Estadão ( leia a notícia completa )

Correios deve entrar de greve e serviço de banco postal serão encerrados

Correios deve entrar de greve e serviço de banco postal serão encerrados

Os trabalhadores dos Correios aprovaram em assembleias realizada nesta semana, estado e indicativo de greve em Mato Grosso.

Porém os trabalhadores locais farão nova assembleia nesta terça-feira (19), às 17h30, em frente ao CDD (Centro de Distribuição Domiciliar) da Avenida Goiânia, em Rondonópolis, para decidir se referendam ou não nova greve a partir das 22h.

Dependendo da decisão, os Correios podem amanhecer nesta quarta-feira (20/9) em greve em Rondonópolis e outras cidades de Mato Grosso. A greve deve atingir os atendentes e os trabalhadores operacionais. Segundo o secretário de imprensa do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios de Mato Grosso (Sintect-MT), Jonas Oliveira, a greve está sendo articulada em função da perda de uma série de direitos. A categoria é contra ainda a privatização dos Correios.

Correios deve entrar de greve e serviço de banco postal serão encerrados

Mas as noticias não param por ai, os serviços de banco postal oferecidos pelos Correios, serão encerrados a partir de 11 de outubro em Rondonópolis e diversos municípios de Mato Grosso. Nesta comarca a agência Central dos Correios, na Avenida Amazonas, e no Jardim Santa Marta não prestarão nenhum serviço bancário a partir dessa data.

O secretário de imprensa do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios de Mato Grosso confirmou que essas duas agências de Rondonópolis estão no lote de localidades com desativação do banco postal. O motivo não foi informado.

Em Mato Grosso, também ficarão sem o banco postal as agências dos municípios de Alto Araguaia, Barra do Garças, Campo Verde, Cuiabá, Dom Aquino, General Carneiro, Jaciara, Juscimeira, Lucas do Rio Verde, Poconé, Primavera do Leste, São José dos Quatro Marcos, Sinop e Várzea Grande.

Fonte

Correios e Telégrafos da Paraíba entram em greve a partir desta quarta-feira

Correios e Telégrafos da Paraíba entram em greve a partir desta quarta-feira

Os trabalhadores dos Correios e Telégrafos na Paraíba realizarão Assembleia na noite desta terça-feira (19), para aderir a Greve Nacional da categoria que começará nesta quarta-feira (20), e permanecerá por tempo indeterminado.

Os funcionários se reunirão a partir das 19 horas, na Sede da Entidade em João Pessoa, situada a Rua Duque de Caxias, 105, no Centro.

Segundo os trabalhadores, a greve terá cunho salarial de data base, e lutará contra a Privatização da ECT, além da retirada dos postos de vigilâncias nas agências.

Correios e Telégrafos da Paraíba entram em greve a partir desta quarta-feira

Segundo nota divulgada à imprensa nesta segunda-feira (18), pelo Sindicato dos Trabalhadores da ECT na Paraíba, o Comando Nacional de Mobilização e Negociação  orientou pela intensificação da mobilização das bases e pela deflagração da greve nacional, onde os demais sindicatos da categoria no país também realizarão Assembleias para deliberar pela greve nos seus respectivos Estados.

Ainda segundo o Sintep-PB, a mobilização de uma possível greve dos trabalhadores é nacional e deverá ser deflagrada em diversos estados.

Fonte 1

Fonte 2

Trabalhadores de Correios voltam às suas atividades nesta segunda

Trabalhadores de Correios da Bahia voltam às suas atividades nesta segunda

Após muita conversa a empresa e os trabalhadores chegaram a um acordo. Serāo mantidos 50 ( cinquenta ) agências com vigilantes, até 10/10/2017

Trabalhadores de Correios voltam às suas atividades na manhã de hoje (28/08) depois de cinco dias de greve contra a retirada de vigilantes das unidades.

Após muita conversa a empresa e os trabalhadores chegaram a um acordo. Serāo mantidos 50 ( cinquenta ) agências com vigilantes, até 10/10/2017.  Ainda haverá novas negociações para a permanências dos vigilantes nas demais unidades.

A empresa alega que algumas agências apresentada na lista que o sindicato enviou não apresenta lucro e seria inviável a manutenção do vigilante.

Porém o Sincotelba entende que o lucro, não é mais importante que as vidas dos funcionários e clientes. A luta continua e se preciso for uma nova greve pode ser decretada a qualquer momento.

*Unidos somos fortes.*

Maiores informações:

  • Shirlene Pereira (vice presidente): 99184-0669
  • André Aguiar ( Diretor de Comunicação): 9184-0030