Como Enviar Encomenda Pelo Correio Mais Barato – Entendendo os tipos de carga

Se você já tem seu e-commerce ou está apenas começando, é essencial saber como enviar encomenda pelo correio mais barato. Afinal, o valor da entrega compõe o preço do produto, e os clientes, tanto quanto nós, gostam de economizar.

Atualmente podemos contar com os Correios e também com empresas particulares, dependendo do tipo de comércio virtual que temos.

Apesar de nos levar à loucura quando está em greve, os nossos Correios são uma empresa confiável em tempos normais e oferecem várias opções de entrega, que explicaremos adiante.

Já empresas particulares, como a Loggi e a Mandaê, por exemplo, oferecem opções diferenciadas de serviço, das quais falaremos também.

Para que seu negócio possa funcionar bem, é necessário ter planejado e calculado toda esta parte de entrega de mercadorias. Isso se chama cuidar da logística: armazenamento, embalagem adequada, transporte, custo e tempo despendido, tanto nestas operações quanto para levar as encomendas ao Correio, por exemplo.

Para o cliente, o que vai importar é o tempo de espera para receber sua compra, o valor pago no envio+frete e se tudo chegou intacto.

Dos três fatores, na hora de fechar a compra, o preço do envio+frete é o mais importante – o cliente aguenta esperar para ter seu produto, se o valor compensar.

No pós-venda, o que é relevante é se o produto chegou em perfeitas condições, e a atenção dispensada ao cliente neste período (falamos sobre isso neste artigo – retenção de clientes).

Entendendo os tipos de carga

Quando utilizamos os correios para entregas, devemos nos ater às regras de envio das encomendas, no que diz respeito à peso e dimensões.

No caso do Sedex e Sedex a cobrar, o peso máximo permitido é de 30 kg. No e-Sedex, 15 kg. E nas demais modalidades – Sedex 10, Sedex 12 e Sedex Hoje – o peso máximo permitido é de 10 kg.

Já no PAC, temos a opção de remessa individual ou remessa agrupada. Neste caso, a remessa individual, a nível nacional, tem peso máximo permitido de 30 kg.

Já a remessa individual dentro do estado, tem o peso máximo limitado a 50 kg, e fique de olho! Somente em localidades previstas em contrato. No caso de remessa agrupada, para todo o Brasil, o limite é de 600 kg.

Entretanto as dimensões também são levadas em conta no cálculo da entrega. Vamos recordar as aulas de trigonometria, de sólidos? Uma caixa normalmente é um cubo ou retângulo, certo?

Os correios limitam o tamanho máximo de altura, largura e comprimento do pacote. A soma da Altura+Largura+Comprimento tem que ser maior ou igual a 200cm.

Ou seja: ainda que, por exemplo, a encomenda Sedex 10 tenha os 10 kg permitidos, se a dimensão do pacote exceder 200cm cúbicos (seja em formato de cubo ou em rolo), ele não pode ser enviado neste ou em outra modalidade dos Correios.

Neste caso, a opção são transportadoras particulares.

Também é relevante notar que encomendas de porte pequeno, que caibam num envelope, também tem restrições de tamanho e até do que é postado. No PAC, por exemplo, envelopes não podem conter documentos.

Quanto à transportadoras particulares, é interessante pesquisar e ver o diferencial de cada uma.

A Loggi, por exemplo, faz entregas com motoboys, e tem pacotes de serviço  para empresas, e-commerce e restaurantes.

O pedido é feito online, pego em sua própria residência ou negócio, e seu cliente acompanha em tempo real onde está a encomenda.

Eles enviam aviso pelo SMS do cliente avisando que o motoboy está a caminho, e tem soluções imediatas caso o cliente não se encontre na residência. Tudo online, através do aplicativo.

A Mandaê também entrou no mercado para suprir dois problemas de pequenas empresas: embalagem e envio até os correios para despacho das encomendas.

Eles embalam de quadros à bicicletas, vidros e louças. Buscam tudo em sua residência, e cuidam da embalagem profissional e colocam no Correio.

Como tem parceria com os Correios, o preço cobrado é igual a se você fosse até uma agência – e ficasse na fila. A vantagem é que não precisa pensar nem em embalar, nem em gastar horas fora, podendo se dedicar ao seu negócio.

Fonte: Empreenda Ecommerce (Leia mais)

 

Impresso Normal dos Correios

Impresso Normal

Envio Normal

Nessa forma de envio, é utilizada a modalidade de envio “impresso normal”, dos Correios, cujo valor é calculado que com base no peso dos livros selecionados, acrescido do serviço “registro módico”, que é o código para rastreamento da entrega no sistema dos Correios.

O rastreamento dos Correios nessa modalidade é simplificado, mostrando apenas a data de postagem e entrega, sem detalhamento dos deslocamentos intermediários.

O prazo estimado de entrega dentro da mesma cidade é de 6 a 9 dias úteis, aumentando este prazo conforme à distância de origem, destino e demanda do Correios.

Impresso Normal à vista

Vigência 01/02/2018 – Preços em R$

Faixas de peso (g) Impresso Normal
Até 20  R$     1,10
Mais de 20 até   50  R$     1,65
Mais de 50 até 100  R$     2,15
Mais de 100 até 150  R$     2,60
Mais de 150 até 200  R$     3,10
Mais de 200 até 250  R$     3,60
Mais de 250 até 300  R$     4,05
Mais de 300 até 350  R$     4,50
Mais de 350 até 400  R$     5,05
Mais de 400 até 450  R$     5,55
Mais de 450 até 500  R$     6,05
Mais de 500 até 550  R$     6,40
Mais de 550 até 600  R$     6,90
Mais de 600 até 650  R$     7,35
Mais de 650 até 700  R$     7,70
Mais de 700 até 750  R$     8,10
Mais de 750 até 800  R$     8,50
Mais de 800 até 850  R$     9,00
Mais de 850 até 900  R$     9,50
Mais de 900 até 950  R$     9,90
Mais de 950 até 1000  R$   10,30
kg ou fração adicional até 2 Kg  R$     4,15

Impresso Urgente à vista

Vigência 01/02/2018 – Preços em R$

Faixas de peso (g) Impresso Urgente
Até 20   R$    1,55
Mais de 20 até   50   R$    2,15
Mais de 50 até 100   R$    2,95
Mais de 100 até 150   R$    3,60
Mais de 150 até 200   R$    4,20
Mais de 200 até 250   R$    4,95
Mais de 250 até 300   R$    5,55
Mais de 300 até 350   R$    6,20
Mais de 350 até 400   R$    6,80
Mais de 400 até 450   R$    7,50
Mais de 450 até 500   R$    8,10

Disponibilidade do serviço:

Em todo o território nacional

Quem pode usar:

Pessoas jurídicas e pessoas físicas.

Como funciona

Poderão ser aceitos como Impresso:

– Livros;
– Catálogos;
– Fascículos;
– Guias;
– Lista de preços;
– Revistas;
– Jornais;
– Publicações periódicas;
– Alternativos culturais;
– Formulários não preenchidos;
– Prospectos de propaganda;
– Propaganda política de partido ou de candidato;
– Divulgação de evento.

Prestado à vista ou a faturar;

Modalidades:

Impresso Normal

Impresso Urgente

Formas de Franqueamento:

À vista: selos ou máquina de franquear

Faturar: chancela ou máquina de franquear. Para clientes com contrato, envio de livros e publicações até 2Kg na modalidade Normal e até 500g na modalidade Urgente.

Entrega

Local de entrega:

Em domicílio.

Prazos previstos de entrega:

Para o Impresso Normal, os prazo  de entrega são de objetos não-urgentes: prazos para entrega

Para o Impresso Urgente, os prazos de entrega são de objetos urgentes: prazos para entrega

Por que usar este serviço?

Preço diferenciado para remessa de livros e demais itens caracterizados como Impresso.

Permite uso de serviços adicionais, como por exemplo Registro, Aviso de Recebimento e Valor Declarado;

Como enviar roupas pelos correios

Como enviar roupas, tecidos ou objetos flexíveis?

Como enviar objetos flexíveis que podem amassar (tecidos, roupas, borrachas, etc.)

Para o cliente que deseja enviar um objeto via Correios, o correto acondicionamento dos objetos é muito importante para assegurar que as remessas cheguem bem a seus destinos.

Para que seja aceito todo objeto deve ser acondicionado pelo remetente em embalagem que resista ao peso, à forma e à natureza do conteúdo, bem como as condições de transporte.

A embalagem pode ser adquirida nos Correios, em outros fornecedores ou fabricada pelo próprio cliente, desde que atenda às condições recomendadas: envelopes, caixas, pacotes e rolos feitos de papel, plástico, isopor, madeira ou metal, embrulhados em papel liso e resistente.

A seguir, sugerimos algumas formas de acondicionamento por tipo de material a ser enviado.

Atenção: Os Correios não possuem tratamento especial para o transporte de objetos frágeis, portanto a embalagem utilizada deverá garantir a segurança interna da encomenda.

Objetos flexíveis que podem amassar (tecidos, roupas, toalhas, etc) podem ser enviados em caixas ou sacos plásticos resistentes. Na falta de caixa de papelão apropriada para o envio de mercadoria, poderá ser feito pacote ou embrulho.

Objetos flexíveis que podem amassar (tecidos, roupas, borrachas, etc.)
Objetos flexíveis que podem amassar (tecidos, roupas, borrachas, etc.)

Para fazer o pacote:

  • Empilhe todas as peças a serem embrulhadas;
  • Embrulhe as peças com papelão, papel pardo ou plástico resistente e feche bem com fita adesiva; (2)

Coloque seu endereço e o endereço do destinatário na maior face do embrulho e, se preferir, amarre com barbante para garantir a unidade do embrulho. (3)

      Recomendamos o uso de etiquetas nos padrões do Correios para maior segurança no encaminhamento dos objetos, diminuindo as chances de ser enviado para endereço errado por mau endereçamento. Para que você possa confeccioná-las de forma prática, oferecemos o Endereçador gerador de etiquetas, e o SIGEP WEB , Gerenciador de Postagens dos Correios que, além de gerar etiquetas, agiliza a postagem de encomendas mediante a preparação prévia das encomendas a serem entregues aos Correios (disponível apenas a clientes com contrato).

Consulte os limites de dimensões para caixas e pacotes.